ad infinitum

Que ideia rara
colocar bem aqui
pensamentos e palavras...
e que ideia fácil
para sempre;
ao infinito

Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.

28 de jun de 2008

Nada

Flores e odores
cores, sabores
amores.
Nada mais.
O corpo sustenta essas maravilhas
E enlouquece
Apenas sabe, mas nem sente
O quanto derruba todos os seres,
acaba com as dores, e com as
Esperanças.
E nada mais.
Só sabe da magnitude.
Da força, da desgraça.
Porém, projeta teu corpo
à frente de todos e apenas
Enlouquece
Nada mais.

Nenhum comentário: